Livros que você precisa ler

Fábrica de Animais

 

Bruno Mateo

Fábrica de Animais – 2003 – Ed. Relógio d´Ouro

Portugal

(1975)

“Um poeta que caminha a passos largos”. Assim foi definido Bruno Mateo, o poeta português, pelo crítico Lemos de Barros. Criador de poemas vigorosos e uma pletora de personagens, Mateo ficou conhecido pelo seu poema Fábrica de Animais, publicado em 2003. Este é dividido em 30 cantos, 130 páginas, 5 seções e um interlúdio. É escrito em métrica própria. Seu conteúdo versa sobre uma inimaginável fábrica que constrói pessoas com restos dos corpos de escritores mortos. E só escritores servem de matéria-prima para esse bizarro engenho. Escritores são matéria-prima também para Bruno Mateo, já que a autorreferência e a metalinguagem são preponderantes na sua produção. O principal exemplo talvez seja Encontro, onde o Eu Lírico do autor encontra um Baudelaire ainda criança em um parque lisboeta.  A questão da morte é também onipresente em sua obra, marcadamente a morte da sua mãe.  Sem embargo, seus poemas contém certa jovialidade e alegria de viver. Lemos de Barros ainda identifica “uma alegria sobre o excesso do humano”. Aqui reproduzimos, por questão de espaço,  o poema curto Corpo, que tem função de interlúdio em Fábrica. Mateo é também especialista em queijos e pretende publicar seu novo livro Hotel Morte ainda este ano.

Poema:

“Corpo
Dentro do corpo/ tem outro corpo. O peito do pé. O pé do ouvido. As costas das mãos. A barriga grávida/ da perna. Dentro do corpo/ tem outro corpo. A boca faminta/ do estômago. A cabeça do dedo do pé.”

Lisboa, cidade-fetiche de Mateo.

Lisboa, cidade-fetiche de Mateo.

 

Anúncios

Um comentário em “Fábrica de Animais

  1. heitor
    27/08/2008

    hotel morte!!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em 27/08/2008 por .
%d blogueiros gostam disto: