Livros que você precisa ler

Melmoth visita o Brasil

CAPA NAO ENCONTRADA

Melmoth visita o Brasil

José Pereira Coutinho – 2009 – Ed. Alexandria.

Brasil

(1949)

A história de Fausto sempre foi um dos pilares da literatura ocidental. De Marlowe a Grande Sertão: Veredas. Passando por O retrato de Doryan Gray, o Fausto de Goethe e centenas de outros. Mas o escritor carioca José Pereira Coutinho pretende resgatar a importância de um outro homem que vendeu a alma ao diabo. O Melmoth de Charles Robert Maturin. Melmoth visita o Brasil é uma mistura de livro de contos e livro proto-ensaístico, que reescreve passagens inteiras das obras acima e rediscute a importância do autor irlandês. O foco, contudo, é a importância deste em autores brasileiros. Para Coutinho, Riobaldo é uma transfiguração de Melmoth na construção do Brasil. O pacto seria passado adiante, as gerações seguintes seriam procuradas por esse Melmoth-Estado para que aceitassem a oferta até a sua hora de passar também adiante. Ao contrário de Fausto, Melmoth é um malandro, um errante, que teria mais da vendida alma brasileira.

Trechos:

“Viver não é perigoso para mim. É para os outros” (Pág. 56)

“As coisas só tem o hoje e o aqui.” (Pág 80)

“Melmoth representa a formação do nosso país como nenhum outro. O pacto das elites dominantes com o estado e a igreja é passado adiante e adiante, todo dia somos procurados por errantes…” (Pág 127)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em 04/08/2009 por .
%d blogueiros gostam disto: