Livros que você precisa ler

Três novíssimas novelas de Gerardo B: Grifo meu, Beemoth e O céu

Três Novíssimas Novelas capa

Gerardo B

Três novíssimas novelas de Gerardo B: Grifo meu, Beemoth e O céu – Ed. Mundo Novo – 2010.

Bolívia – Brasil

(1965)

A biografia de Gerardo B fez dele um mito entre os escritores latino-americanos, embora não haja registro fotográfico dele, ou exatamente por isso. Já se disse que foi treinador de jaguar na Colômbia, traficante no Texas e colecionador de artigos pré-colombianos no Pará. A vida de escritor parece ser recente. Só em 2006 começou a publicar seus textos. Agora, o leitor brasileiro poderá conferir três novelas inéditas do enigmático boliviano. São três novas narrativas selecionadas pelo crítico Julian Cardoni para a Editora Novo Mundo, de Brasília. Em Grifo meu o autor escreve sobre o jovem Alexandre Magno e seu suposto voo em uma carruagem de grifos. Em Beemoth temos o Livro de Jó, recontado a partir da perspectiva de Beemoth, o hipopótamo, que seria, na verdade, o próprio Deus encarnado cuja missão é derrotar Leviatã no final dos tempos. O céu conta a pertubadora história de um anjo da guarda de um menino de seis anos que é preso e condenado à forca por abuso infantil do seu suposto protegido. O mundo fantástico de Gerardo B. é repugnante porque intensamente real, está sempre a nos ferir com verdades maiores que o aparente real.

Trechos:

“Grifo meu, grifo meu, és de todas as criaturas a mais bela. És feito à minha imagem, pedaços de pedaços de um mundo despedaçado.” (Pág. 47)

“Me contemplas agora, já me dei nome Beemoth. Eis que a minha força está nos ombros, no poder dos músculos do meu ventre. Quando quero, movo minha cauda como o cedro; os nervos das minha coxas estão entretecidos. Os meus ossos são como tubos de bronze; minha ossada é como barras de ferro.” (Pág. 66)

“O anjo e o menino podiam ser a mesma pessoa, mas não eram, nem mesmo a ideia do amor platônico era, era o anjo e o menino e o anjo estava condenado.” (Pág. 94)

“Um Deus Al-lah-do. El-dorar Deus acima de todas as coisas.” (Pág.129)

Tradução: Nadir Barreto

Anúncios

3 comentários em “Três novíssimas novelas de Gerardo B: Grifo meu, Beemoth e O céu

  1. Tiago Preto
    02/03/2010

    Melhor que a Tessália nua.
    hahha

    Abraço Berna !

  2. Bernardo
    03/03/2010

    Heheheh Bom ver você por aqui, Preto. Abraços.

  3. Pingback: Novo livro de Gerardo B vai se chamar Jesustitlán «

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em 02/03/2010 por .
%d blogueiros gostam disto: