Livros que você precisa ler

Não tenho nenhuma frase que me venha em auxílio

Não Tenho Nenhuma Frase capa

Saúl Suazo

Não tenho nenhuma frase que me venha em auxílio – 1999 – Ed. Maipú.

Honduras

(1965)

Obcecado pela ideia de que o hebraico e o árabe são as línguas de Deus (já que Ele as usou diretamente nas suas mensagens para judeus e islâmicos nos ahl al-kitab) e que o húngaro é a língua do diabo, o hondurenho Saúl Suazo resolveu escrever um livro demasiadamente humano misturando os três idiomas e convertendo-o de novo ao espanhol, sua língua materna. Assim, segundo o escritor nascido em Tegucigalpa, a sua escrita teria porções ideais de Deus e do diabo. Um livro alquimicamente humano. E tão complexo quanto um tríptico de Bosch. Não tenho nenhuma frase que me venha em auxílio possui um vasto carnaval de personagens percorrendo livrarias e bares da capital hondurenha. A linguagem é prodigiosamente contraditória e o tom maliciosamente irônico – emblemas da humanidade para o bem ou para o mal. Aos poucos acompanhamos asingela história de Martín Manco e seus amigos, sócios em um estúdio de tatuagem. Manco, um artista plástico frustrado, vive de tatuar números nos clientes à maneira dos campos de concentração alemães. Um dia ele recebe a visita de Tomás, um menino que aos doze anos nunca havia saído do quarto e que quer ter um dos números tatuados no braço. Estruturalmente, o livro é apresentado em capítulos em forma de cartas nãoenviadas a mártires do catolicismo e famosos serial killers. Eis um livro que deve ser lido de um gole só.

Trechos:

“Caro Thug Behram,

Não me apercebo do meu olhar pelos números que crescem como pelos. Alterno-me entre casas e árvores. Talvez até tenha.” (Pág. 17)

‘Querido Alojs Andritzki,

Meu cérebro é um bebê sufocando na barriga da mamãe. Não posso dizem muita coisa além disso.” (Pág. 47)

“Eu a volta estou.” (Pág. 79)

Tradução: Antonio Marcos Pereira.

Anúncios

5 comentários em “Não tenho nenhuma frase que me venha em auxílio

  1. Carolina
    24/06/2013

    olá,sou dona de um blog de literatura, e gostaria de saber se estás disponivel para parcerias.
    grata

  2. Matheus
    02/08/2013

    Por favor me ajude, onde eu compre esse livro? Nao achei em lugar nenhum…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em 27/05/2013 por .
%d blogueiros gostam disto: